A receita da Josapar

Após investir na imagem de seus produtos, a dona da marca de arroz Tio João viu seu faturamento crescer 133% em uma década. A revista ISTOÉ Dinheiro Rural apresenta na edição de Dezembro/2013 uma reportagem bem interessante sobre a Josapar, empresa de Pelotas fundada a mais de 90 anos. Reproduzimos a matéria assinada por Alécia Pontes a seguir.

No mundo dos negócios, uma opinião é unânime: mais difícil do que chegar à liderança é manter-se nela. Algumas empresas, como a graneleira gaúcha Josapar, dona da marca de arroz mais famosa do País, a Tio João, leva essa ideia a sério. A empresa de Pelotas, fundada em 1922, líder do mercado desde 1976, está sob o comando da terceira geração da família do patriarca Joaquim de Oliveira. Em uma década, com a criação de um portfólio de quase 70 produtos, sua receita deu um salto de 133% – passou de R$ 390 milhões, em 2002, para R$ 909 milhões, no ano passado. O bom desempenho fez com que suas ações na bolsa se valorizassem mais de 300% desde 2005, numa prova de que a gestão tem sido bem-vista pelo mercado e pelos investidores.

Neste ano, entre janeiro e novembro, a Josapar registrou um crescimento de 10% em seu faturamento. Tal desempenho rendeu à empresa comandada pelo CEO Augusto Lauro de Oliveira Júnior o prêmio máximo na categoria Grãos de AS MELHORES DA DINHEIRO RURAL.

Qual é a receita? Segundo o diretor comercial da Josapar, Luiz Augusto Krause, a inovação é a alma do negócio. “Isso está no DNA da empresa”, diz o executivo. “Fomos pioneiros, por exemplo, ao trabalhar com embalagens de cinco quilos de arroz, em uma época em que o produto era vendido apenas a granel.” Atualmente, a Josapar, que beneficia cerca de 450 mil toneladas de arroz por ano, possui uma grande variedade de linhas de produtos, da soja ao feijão, além, é claro, do arroz Tio João. A linha Meu Biju, por exemplo, é uma marca de feijão e de arroz criada especialmente para as classes C e D.

Entraram, ainda, no portfólio da empresa bebidas à base de soja e refeições semiprontas. O segredo é a diversificação. Neste ano, a Josapar apostou na marca SupraSoy, que agora tem uma linha de misturas para bolo sem lactose e sem glúten. Todos esses produtos são distribuídos de norte a sul do País e exportados para mais de 40 países, dos vizinhos da América do Sul aos mercados da Ásia. De acordo com Krause, graças à marca forte do arroz Tio João, “fica fácil a distribuição de qualquer produto da Josapar”.

A partir de agora, o desafio da empresa será manter o ritmo de expansão da linha de produtos. “Teremos de fazer isso sem abrir mão do padrão de qualidade Tio  João, que hoje conquistou o status de premium”, diz Krause.

Em julho, a Josapar inovou mais uma vez com a parceria que fez com a produtora de azeites Chile Nova Oliva. “Em 2014 mais novidades serão lançadas”, diz Krause. Afinal de contas, os hábitos do consumidor estão cada vez mais sofisticados. “Estamos atentos a isso.”

Os produtos Josapar saem de quatro fábricas: Pelotas e Itaqui, no Rio Grande do Sul, Campo Largo, no Paraná, e Recife, em Pernambuco. Neste ano, a empresa comprou um terreno em Mairinque, no interior de São Paulo, para construir sua quinta unidade, que deve contar com investimentos da ordem de R$ 40 milhões.

Os investimentos da Josapar, da porteira para dentro, estão focados nos agricultores. De 2005 para cá, a Josapar investiu cerca de R$ 70 milhões por ano para incentivar o cultivo de arroz, garantindo a qualidade dos produtos desde a origem. “Também apoiamos práticas sustentáveis e ecologicamente corretas fora e dentro da empresa, seja no uso da água e da energia, seja em metodologias de processamento de grãos”, diz Krause.

________________________________________________________  
Curta o Blog no Facebook
Receba as atualizações do Blog no seu e-mail (newsletter)   


Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.