AUMENTO DE MOVIMENTAÇÃO NOS PORTOS GAÚCHOS ALCANÇA RESULTADOS POSITIVOS

De um modo geral, os graneis sólidos são os mais movimentados nos portos gaúchos, com o total de 18.257.780 toneladas. Foto: Divulgação/Portos RS

O intervalo de janeiro a agosto de 2023 encerrou com movimentação positiva nas três unidades operacionais da Portos RS. Esse resultado impulsionou mais uma vez o crescimento geral do setor portuário no estado que atingiu 10,12% de aumento, em comparação com o mesmo período do ano passado.

O maior resultado foi obtido pelo Porto do Rio Grande, que movimentou 27.108.695 toneladas, quantidade de carga que é 10,39% maior que o contabilizado em 2022, quando foram 24.556.234 toneladas.

O Porto de Pelotas movimentou 899.026 toneladas, valor que variou positivamente em 6,38% na comparação com o ano passado. Já no Porto de Porto Alegre, foram movimentadas 575.842 toneladas, números que representam um aumento de 3,61% em relação ao período de janeiro a agosto de 2022.

Ao longo dos oito meses de 2023 circularam pelas hidrovias administradas pela Portos RS 2.474 embarcações, sendo 2.020 delas com destino ao Porto do Rio Grande. A unidade de Pelotas recebeu pelo Canal São Gonçalo 356 barcaças e no Porto de Porto Alegre atracaram 98 embarcações, entre navios e barcaças.

De um modo geral, os graneis sólidos são os mais movimentados nos portos gaúchos, com o total de 18.257.780 toneladas. Na sequência aparecem as cargas gerais, com 7.772.395 toneladas e na terceira posição os graneis líquidos, com 2.533.388 toneladas.

Ao longo desse período, a movimentação de contêineres apresentou um crescimento de 17,72%. As operações realizadas de janeiro a agosto somaram 402.505 TEUs.

Texto: Rodrigo de Aguiar

Jornalista responsável: Larissa Carvalho

Comentários