COLUNA CAMINHOS DA ZONA SUL – DIÁRIO DA MANHÃ – 05.10.2021

Caminhos da Zona Sul__________________________Paulo Gastal Neto

Visita – A Câmara de Comércio da Cidade do Rio Grande recebeu a visita do secretário de Desenvolvimento Econômico do Rio Grande do Sul, Edson Brum. O secretário debateu junto às lideranças empresariais as principais demandas da região. O encontro foi mediado pelo presidente da Câmara e coordenador do Aliança, Paulo Bertinetti.  Durante a reunião que envolveu integrantes da Aliança Rio Grande, o secretário Brum reafirmou a importância para o Estado dos Distritos Industriais, principalmente, o do Rio Grande em função de sua localização estratégica privilegiada pelo complexo portuário. Brum informou que o estado deverá revisar todos os contratos e destravar os investimentos. Além disso, o secretário destacou que o cenário do RS agora é muito mais favorável ao desenvolvimento.

***

Aniversário – Por falar em Câmara de Comércio de Rio Grande, ela completou 177 anos no último dia 26. Inaugurada em 1844, a entidade sempre trabalhou pelo fortalecimento do associativismo e pelo crescimento da Cidade do Rio Grande. Liderada pela classe empresarial, a Câmara foi fundamental em diversos momentos da história da cidade. Neste ano, Paulo Bertinetti preside a instituição. Foi no dia 26 de setembro de 1844 que nasceu a ideia para a criação da Praça de Comércio, nome dado à época para as iniciativas associativistas. Durante sua história, a entidade travou várias batalhas pelo desenvolvimento local, sendo uma delas, o incentivo, cobrança e auxílio para a construção dos Molhes da Barra do Rio Grande e para a organização portuária local.

***

Sebrae – Também em Rio Grande, acontece em outubro o Empretec. É o principal programa de formação de empreendedores do mundo. O participante passará por 60 horas de capacitação profissional, de 25 a 30 de outubro, em um seminário presencial intensivo através de jogos, exercícios e debates. As entrevistas que irão selecionar os participantes estão acontecendo até o próximo dia 8. O objetivo do programa, criado pela Organização das Nações Unidas (ONU) e promovido em 40 países – no Brasil exclusivamente pelo Sebrae -, é conhecer o perfil empreendedor, desenvolver competências para a vida profissional e aumentar as chances de sucesso do negócio através de práticas cientificamente fundamentadas.  O evento será realizado no Senac Rio Grande.

***

Senac – Uma proposta de inovação gastronômica foi lançada pelo programa Parque Ativo do Pelotas Parque Tecnológico em parceria com a Faculdade Senac Pelotas. Visando a promoção do desenvolvimento de negócios, produtos e para homenagear a tradição doceira de Pelotas, o projeto “Desafio Gastronômico” será realizado entre os dias 15 e 19 de novembro, durante a Semana Global do Empreendedorismo, com um formato de evento Phygital. O evento promoverá o desenvolvimento de negócios de alimentação para a criação de um produto alimentício na categoria doce de consumo individual, com preparação através de técnicas inovadoras e conexão com base tecnológica. Os participantes, em grupos, receberão conteúdos e mentorias e apresentarão o modelo de negócios e degustação do produto desenvolvido durante o desafio a uma banca avaliadora final. O Desafio Gastronômico foi lançado durante a cerimônia de aniversário do Pelotas Parque Tecnológico no mês de setembro.

***

Nova empresa – O governador do estado Eduardo Leite sancionou a lei que autoriza a criação da empresa pública Portos RS e extingue a Superintendência do Porto do Rio Grande (Suprg).b Pela legislação, a Portos RS terá sede e foro na cidade do Rio Grande e sucederá a Suprg em todos os seus direitos e obrigações. Ela será responsável pela administração e exploração dos portos, hidrovias e vias lacustres e navegáveis localizadas no estado, nos termos dos instrumentos de delegação, outorga, registro ou concessão obtidos ou sub-rogados por ela. A lei também prevê que o estado providenciará junto à União a celebração de termo aditivo ao convênio de delegação nº 001-Portos/97, para que a Portos RS possa figurar como responsável pela administração portuária. A mudança da natureza jurídica era uma das exigências do governo federal para a renovação do convênio de delegação. Com relação aos atuais servidores, foi pactuado que o projeto de lei que trata desse tema deverá ser apresentado pelo estado até o dia 30 de outubro. Essa decisão partiu de um acordo entre Casa Civil, Procuradoria-Geral do Estado (PGE), Suprg, Assembleia Legislativa e Sindicato dos portuários, durante reunião antes da sessão de votação. A lei também prevê que até o cumprimento dos trâmites necessários para sua instalação de fato, continuarão em vigor as normas legais, regulamentares e regimentais atualmente aplicadas à Suprg. Ao final do exercício de 2021, eventual saldo de caixa será transferido da Suprg à Portos RS, bem como seu patrimônio móvel e imóvel.

***

Até a próxima!

Comentários