COLUNA CAMINHOS DA ZONA SUL – DIÁRIO DA MANHÃ – 10.11.2020

CAMINHOS DA ZONA SUL_________________________Paulo Gastal Neto

www.caminhosdazonasul.com.br

Construção I – A Feira de Negócios da Construção (FNC) ganhou uma nova roupagem e vai ocorrer até o dia 17 de dezembro, tendo iniciado no último dia 5 de novembro. Serão encontros quinzenais e participações de indústrias do setor apresentando lançamentos e soluções inovadoras e sustentáveis para o setor. em formato virtual por causa da pandemia do coronavírus. A Feiras é promovida pelo Sindicato da Indústria da Construção e Mobiliário (Sinduscon) de Pelotas e Região e pela Associação dos Representantes Comerciais de Materiais de Construção da Região Sul (Arecom/Sul), a atividade vai garantir a continuidade das relações dentro da cadeia produtiva da construção. As inscrições são gratuitas e o evento é aberto à participação de todas as pessoas interessadas.

***

Construção II – Uma boa notícia em relação ao setor da indústria da construção civil surgiu a partir da divulgação de dados de pesquisa da CNI – Confederação Nacional da Indústria. A pesquisa Sondagem Indústria da Construção, da CNI, mostra a retomada da indústria de construção civil realizada em setembro, com o índice de evolução do número de empregados chegando a 50,1 pontos no mês. Essa é a quarta alta consecutiva do índice, que se afastou ainda mais da sua média histórica de 43,9 pontos. O índice é o maior desde abril de 2012 e, para a CNI, isso confirma o bom momento do emprego do setor, embora tenha sido precedido por fortes quedas, observadas em março e abril, em razão dos efeitos da pandemia da covid-19.

***

Novo calado – As novas medidas do calado no porto de Rio Grande podem proporcionar condições para que o terminal portuário possa ser mais atrativo para o comprador e, também, para o produtor. A intenção é dar um alcance bem além dos 15 metros do calado – que inclusive superaram a estimativa inicial. Outras propostas e resoluções se somam à homologação obtida no último dia 26 de outubro. A modernização é para deixar os portos com mais eficiência, produtividade e competitividade. Para o agro, é a garantia de médio e longo prazo de infraestrutura de todos os seus modais de interesse.

***

Base – Encerrou na semana passada a passagem do Navio Polar Almirante Maximiano pelo Porto do Rio Grande em direção ao continente antártico para a 39ª Operação Antártica (Operantar). O navio foi abastecido com diversos equipamentos e suprimentos da Estação de Apoio Antártico (Esantar) da Universidade Federal do Rio Grande (FURG). Em função da pandemia de Covid-19 esse ano a Operantar não levará pesquisadores para realizar estudos, sendo o foco dessa edição o transporte dos militares que irão substituir os que estão desde o ano passado na Estação Antártica, como também serão executadas missões de apoio a logística. Seguindo seu rigoroso plano de prevenção o navio ainda realizará uma última parada em Punta Arenas, no dia 10 deste mês, e tem previsão de chegar no continente gelado no dia 17 de novembro.

***

Até a próxima!

Comentários