PORTO DO RIO GRANDE CELEBRA ACORDO COM SEDETUR PARA TRAZER INVESTIDORES PARA O COMPLEXO PORTUÁRIO

Foi realizada na quinta-feira, 15, um encontro entre a Superintendência dos Portos do RS, a Secretaria do Desenvolvimento Econômico e Turismo do RS (Sedetur) e a diretoria da empresa Josapar, entre outros entes empresariais. Nesta reunião foi selada um importante acordo para buscar a atração de investimentos e a geração de empregos e renda no Rio Grande do Sul.

O titular da Sedetur, Rodrigo Lorenzoni, e o diretor superintendente da Portos RS, Fernando Estima, assinaram o Termo de Cooperação que operacionaliza o Programa Estadual de Desenvolvimento Industrial (Proedi). O Proedi é mais um dos instrumentos disponibilizados pelo Estado para a alavancagem do desenvolvimento econômico, em especial o setor industrial, por meio da implantação ou da expansão de empreendimentos.

O programa prevê que terrenos e áreas industriais sejam vendidas às empresas interessadas a preços subsidiados, que podem atingir até 90% de abatimento, como forma de incentivo financeiro. Fernando Estima ressaltou que tal mecanismo está plenamente vigente para a aquisição de lotes por empresas interessadas em investir na retroárea industrial que circunda o Porto, o distrito conhecido como Rio Grande Porto Indústria.

Entre os interessados em investir no complexo, destacou-se nesta reunião a empresa Josapar, uma das maiores empresas de gêneros alimentícios do país. Atualmente, a marca está disponível em pontos de venda por todo o País, além de ter seus produtos exportados para mais de 40 países, sendo uma das maiores fornecedoras da rede varejista brasileira.

Para Rodrigo Lorenzoni, é fundamental que haja união de esforços para fortalecer o Rio Grande do Sul e torná-lo ainda mais competitivo. ?O termo de cooperação é o resultado dessa parceria. Sabemos da importância estratégica e logística que o Porto do Rio Grande tem para  o desenvolvimento do comércio internacional de todo o país. Sem dúvida, teremos novas e importantes operações comerciais e industriais por aqui?, comemorou.

O superintendente Fernando Estima, ressalta a importância da região sul em poder exercer a influência positiva sobre projetos de interesse na região. Em especial o Porto, pois muitas empresas vem buscar o porto e consequentemente precisam de áreas retroportuarias. ?Por determinação do governador e com o apoio do secretário Lorenzoni celebramos hoje um novo momento no distrito industrial, onde as definições das áreas passam por uma visão mais região e mais portuária.

Além da área em Rio Grande, o Estado também dispõe de terrenos para investimento nos distritos industriais de Montenegro/Triunfo, Alvorada/Viamão, Guaíba, Bagé e Cachoeira do Sul.

Comentários