VEÍCULOS E CELULOSE MARCAM OS TRABALHOS NO PORTO NOVO

Veículos e celulose marcam o início da semana no Porto Novo.

Os navios Betula Arrow e Canadian Highway, de bandeiras do Panamá, movimentaram veículos rodantes e celulose, respectivamente.

Seis embarcações estavam operando nos últimos dias no Porto Novo, cais público do Porto do Rio Grande. Diversas cargas estão sendo movimentadas, dentre elas contêineres e metanol. Além dessas movimentações, outros dois navios chamam a atenção na zona primária.

O navio Betula Arrow, de bandeira do Panamá, é uma embarcação de aproximadamente 200 metros de comprimento e 32 metros de largura. Ele veio do porto de Imbituba, em Santa Catarina e foi carregado com celulose, que terá como destino o porto de Punta Pereira, no oeste do Uruguai. Também operou neste começo de semana o navio Canadian Highway, uma embarcação roll-on/roll-off panamenha. Ele realizou dois tipos de movimentação, descarregando veículos que vieram do porto de Zárate, na Argentina e também carregando diferentes veículos que serão levados até o porto de Paranaguá, no Paraná.

Quatro segmentos foram destaque na movimentação do mês de janeiro 2018 no Porto do Rio Grande quando comparado ao mesmo período do ano anterior. Os contêineres tiveram alta de 4,45%, totalizando mais de 564 mil TEUS. O complexo soja (óleo, farelo e grão) somou 684,9 mil toneladas, um aumento de 12,1%. Os desembarques de cevada no cais público tiveram alta de 52,09%. Por fim, os veículos foram os responsáveis pelo mais expressivo aumento. Quando comparado a janeiro de 2017, a alta foi 359,7%. No primeiro mês de 2018 foram mais de 7,8 mil veículos rodantes.

Comentários