PELOTAS PRIORIZA LEI DE INOVAÇÃO, COM APOIO DO PROGRAMA CIDADE EMPREENDEDORA

Menos de dois meses após aderir ao Programa Cidade Empreendedora, iniciativa desenvolvida pelo Sebrae RS em parceria com o poder público, Pelotas dá um grande passo rumo ao seu desenvolvimento econômico e social: a elaboração de sua Lei de Inovação – que trata de incentivos à inovação e à pesquisa científica e tecnológica no ambiente produtivo.

Município já começou a trabalhar no desenvolvimento da nova legislação, que moderniza ambiente de negócios

Menos de dois meses após aderir ao Programa Cidade Empreendedora, iniciativa desenvolvida pelo Sebrae RS em parceria com o poder público, Pelotas dá um grande passo rumo ao seu desenvolvimento econômico e social: a elaboração de sua Lei de Inovação – que trata de incentivos à inovação e à pesquisa científica e tecnológica no ambiente produtivo.

De acordo com Gilmar Tadeu Bazanella, secretário municipal de  Desenvolvimento, Turismo e Inovação de Pelotas, o processo vai envolver diversos setores da sociedade, como poder público, universidades – Federal, Católica e IFRSUL – , OAB,  Sebrae RS, Sesc, Senac e outras entidades representativas de vários segmentos.  No dia 21 de julho,  ocorreu a palestra inicial com os técnicos do Sebrae RS e, já no dia seguinte, tiveram início as reuniões de trabalho.

“Estamos muito esperançosos com a construção dessa lei. Acreditamos que, além de uma regulamentação, ela vai trazer um ambiente de negócios mais moderno, que possa, além de incentivar os empreendedores locais, atrair também para a nossa cidade investidores de outras regiões”, avalia Bazanella.

Fabrício Sanches Burkert, gestor da Regional Sul do Sebrae RS, explica que esta etapa é a continuidade do mapeamento do ecossistema de inovação de Pelotas  realizado em 2020 pelo Sebrae RS em parceria com a Fundação Certi e a prefeitura de Pelotas,  através da Secretaria de Desenvolvimento. “Após o trabalho com a lei será realizado o fortalecimento da governança do ecossistema de inovação do município, com o objetivo de conectar atores, empresas, universidades, governos e o terceiro setor. Dessa forma, estimulando o ambiente para que seja mais colaborativo e inovador, em que todos trabalhem juntos e compartilhem resultados contribuindo para uma cidade mais inovadora”, reforça Burket.

Sobre o Cidade Empreendedora

O Programa Cidade Empreendedora é uma iniciativa do Sebrae RS voltada a engajar gestores e servidores na promoção de políticas públicas para o apoio e fortalecimento do empreendedorismo nos municípios, respeitando suas realidades. O programa tem como principal objetivo a transformação local, visando impulsionar o desenvolvimento econômico como um todo, por meio de eixos estratégicos, com a potencialização e institucionalização de alguns capítulos da Lei Geral da Micro e Pequena Empresa.

Comentários