ESCOLA DE PELOTAS VENCE PRÊMIO SEBRAE EDUCAÇÃO EMPREENDEDORA 2022

Na Categoria Ensino Médio, SESI Eraldo Giacobbe atingiu a primeira colocação com projeto voltado à comunidade surda.

“É um reconhecimento que representa a valorização do nosso trabalho, dos professores e dos alunos”. A frase da professora Joseane Angela Pasqualli do Amaral, da Escola de Ensino Médio SESI Eraldo Giacobbe, de Pelotas,  dá o tom do sentimento compartilhado por ela  com a equipe, formada ainda pelos colegas Isadora de Leon Torres e Hermeto Marques Vianna Filho. Junto, esse time foi o grande vencedor do Prêmio Sebrae Educação Empreendedora 2022, na Categoria Ensino Médio. A cerimônia de premiação foi realizada na última quinta-feira (12/05), na Expo Transamérica, em meio a programação da Bett Brasil, em São Paulo/SP.

Vencedora da etapa Estadual do prêmio, a escola de Pelotas ganhou a primeira colocação na etapa nacional da iniciativa apresentando o projeto “Beep Factory.

Vencedora da etapa Estadual do prêmio, a escola de Pelotas ganhou a primeira colocação na etapa nacional da iniciativa apresentando o projeto “Beep Factory: Um Dispositivo para aumentar a segurança de pessoas surdas ou com limitações auditivas na indústria”. “Nos sentimos muito orgulhosos. Trata-se de uma solução para a comunidade surda, que é tão especial e tem toda a nossa atenção”, explica Joseane.

O Prêmio Sebrae Educação Empreendedora foi criado com o objetivo de reconhecer a atuação de professores do ensino fundamental, médio, educação profissional e ensino superior em todo o país, que tenham implementado práticas criativas e inovadoras para desenvolver competências empreendedoras em seus alunos.

“Muitas vezes o empreendedorismo está associado meramente à ideia de abrir um negócio, mas vai muito além disso. É um conceito que cada vez mais ganha voz nos espaços de aprendizagem no que diz respeito ao protagonismo dos estudantes e ao desenvolvimento de ideias inovadoras alinhadas com a realidade e demandas das comunidades brasileiras”, destaca a Gestora de Políticas Públicas Sebrae RS, Roselaine Monteiro Moraes.

Comentários