ESPECIAL DE DOMINGO: ENCONTRO DISCUTE O PROJETO PARA TERMELÉTRICA DO RIO GRANDE

    Reunião discute o projeto para Termelétrica do Rio Grande

    As reuniões estão sendo realizadas via videoconferência para ajudar a controlar o avanço do coronavírus no país.

    Representantes do grupo espanhol Cobra, que tem interesse em adquirir o projeto da Termelétrica do Rio Grande, participaram junto com o superintendente dos Portos Fernando Estima, com o secretário de Meio Ambiente e Infraestrutura Artur Lemos, com a presidente da Fepam  Marjorie Kauffmann e com o deputado estadual Fábio Branco, de uma videoconferência para tratar de assuntos relacionados ao projeto da Termelétrica. As reuniões estão sendo realizadas via videoconferência para ajudar a controlar o avanço do coronavírus no país.

    Durante a reunião ficou acordado que o Grupo fará os ajustes necessários no projeto e retomará o pedido de licenciamento ambiental para o empreendimento.  “Esse é um importante projeto para todos nós. Ele será reeditado e revisitado para minimizar possíveis conflitos anteriores e vamos tratar ele, principalmente o abastecimento de gás entrando pelo Porto do Rio Grande, que nos interessa”, explica o superintendente Fernando Estima, que ainda ressalta que o formato não será mais Ship to ship (de uma embarcação para outra) e sim por tancagem (armazenamento em tanques nas bases portuárias).

    Na semana passada Estima esteve na ANEEL, com o governador Eduardo Leite e secretários de Estado, onde a agência garantiu um prazo maior para que se prove que há viabilidade de tirar o empreendimento do papel.  Vale ressaltar a importância do projeto da Termelétrica, tanto para a geração de empregos, quanto para o atendimento da demanda por gás para o desenvolvimento do Estado.




    Comentários