EM VISITA À UCPEL, RODRIGO MAIA FALA SOBRE TRAMITAÇÃO DA PEC PARALELA

    Presidente da Câmara dos Deputados avaliou o artigo que propõe o fim da filantropia para instituições de ensino e saúde.

    A Universidade Católica de Pelotas (UCPel) recebeu na tarde desta sexta-feira (18) o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia. A atividade, proposta pelo deputado federal Daniel Trzeciak, recebeu autoridades, políticos e foi a oportunidade para dar destaque às pautas de interesse dos municípios da região sul e de Pelotas.

    Durante a conversa, Maia respondeu questionamentos de alguns dos participantes do encontro. Dentre eles, o do reitor da UCPel, José Carlos Pereira Bachettini Júnior, que aproveitou o espaço para conhecer a opinião do deputado sobre artigo da PEC Paralela que propõe o fim da isenção previdenciária para as entidades filantrópicas, o que poderá afetar a funcionamento da Universidade e do Hospital Universitário São Francisco de Paula (HUSFP).

    Na avaliação de Maia, o texto, elaborado pelo senador Tasso Jereissati, deverá ser debatido pelos deputados ao chegar à Câmara. O presidente avaliou que poderá se tornar um problema caso esse artigo da PEC seja aprovado, uma vez que essas instituições atendem grande demanda educacional e do Sistema Único de Saúde (SUS). “Se a instituição tem metade dos alunos com bolsa do Prouni, tem um hospital que atende SUS, como que da noite para o dia vamos mudar a sua estrutura sem compreender que não tem como municípios e estados passarem a atender essa demanda”, questionou o político.

    Sobre a Reforma da Previdência, Maia reafirmou seu compromisso em também organizar a previdência pública da união, assim como a previdência dos estados e municípios. Ele ainda destacou que o Brasil está próximo aos 90% de endividamento federal. “Países com a mesma realidade de renda do Brasil geralmente tem um endividamento de 50%”, completa.

    Proposta pelo deputado Daniel, a presença de Maia em Pelotas teve como principal objetivo aproximar a região do Congresso Nacional. “A ideia é que o Rodrigo possa levar nossas pautas a Brasília, em áreas como infraestrutura, saneamento básico e educação”, explica Trzeciak.

    Os dados socioeconômicos apresentados a Maia sobre Pelotas e 25 municípios vizinhos foram elaboradores pelo Escritório de Desenvolvimento Regional (EDR) da UCPel. O professor e economista, Ezequiel Megiato, avaliou o estudo como uma radiografia da região sul do Brasil. “Receber lideranças de Brasília em nossa região é importante, pois a Câmara Federal é responsável por elaborar leis que tratam do desenvolvimento”, diz.

    Esta foi a segunda edição do evento Deputado Convida. O espaço, criado por Daniel Trzeciak, tem por objetivo colocar Pelotas na rota do desenvolvimento além de também aproximar lideranças da região.




    Comentários