REUNIÃO DO CONSELHO DE AUTORIDADE PORTUÁRIA DO PORTO DO RIO GRANDE DEBATE PLANO MESTRE

Entre os assuntos tratados estavam a atualização do plano mestre e também a travessia entre Rio Grande e São José do Norte – Foto: Divulgação/SUPRG

A 35ª reunião do Conselho de Autoridade Portuária do Porto do Rio Grande aconteceu na última segunda-feira (5). Entre os assuntos tratados estavam a atualização do plano mestre e também a travessia entre Rio Grande e São José do Norte.

A reunião do Conselho foi aberta pelo presidente Eduardo Krause, que representou o governo federal. Logo em seguida, o diretor de Planejamento, Logística e Gestão do Patrimônio Imobiliário do Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil, Rossano Reolon, apresentou o grupo de trabalho que está realizando a atualização do plano mestre do complexo portuário de Rio Grande e Pelotas.

O estudo e a metodologia foram explicadas pelo coordenador do projeto, Tiago Buss, que mostrou as diretrizes e resultados que a atualização buscará atingir nos próximos meses. A entrega do relatório final ocorrerá em meados de 2018. O plano mestre auxilia a definir diretrizes e elencar gargalos e potencialidades a curto, médio e longo prazo.

“A Superintendência do Porto vem realizando um intenso trabalho com os terminais privados para acompanhar e incentivar dentro daquilo que nos compete o avanço tecnológico e operacional para que o Porto esteja preparado para o aumento de cargas. Estrategicamente localizado, o Porto do Rio Grande é o grande concentrador do Conesul. Por isso estarmos sempre com o embasamento de um plano mestre é fundamental”, avalia o diretor superintendente, Janir Branco.

A Superintendência está com seu corpo técnico auxiliando a equipe do Labtrans, da Universidade de Santa Catarina, que está realizando o trabalho. Anualmente, a Suprg repassa informações e a atualização do plano utiliza-se desses dados mais as visitas para efetivar o produto final que será entregue em 2019.

A reunião ainda debateu a travessia de veículos entre Rio Grande e São José do Norte. Esteve na cidade o presidente da Agência de Regulação dos Serviços Públicos Delegados do Rio Grande do Sul, Isidoro Zorzi. Entre as principais reivindicações debatidas, estava a da prefeita de São José do Norte, Fabiany Roig, de que sejam aumentados os horários de travessia entre ambas as cidades.

O Conselho de Autoridade Portuária é um órgão consultivo da administração e é instituído em todos os Portos Organizados. O conselho conta com reuniões mensais e é constituído por membros titulares e seus respectivos suplentes do poder público, da classe trabalhadora empresarial e dos trabalhadores portuários.




Comentários