EM EVENTO EM CAMAQUÃ NESTA SEXTA-FEIRA UCPEL APONTA GANHO DIÁRIO DE R$ 2 MILHÕES COM DUPLICAÇÃO

    O término da duplicação da BR-116 Sul deverá gerar um incremento de R$ 2 milhões para a economia do estado, aponta estudo do Escritório de Desenvolvimento Regional da Universidade Católica de Pelotas (EDR/UCPel). O levantamento completo sobre a importância da obra será apresentado nesta sexta-feira, durante o painel Duplicação Urgente. A cidade de Camaquã sediará o evento proposto pelo Movimento juntos pela duplicação da BR-116 Sul.

    Com a duplicação, estima-se crescimento tanto da produção quanto de serviços, comenta o coordenador do EDR/UCPel, Ezequiel Megiato. A finalização da obra irá auxiliar na circulação de mercadorias, contribuindo para a arrecadação de municípios e estado. Haverá ainda diminuição do custo logístico em cerca de R$ 70,00 devido otimização de velocidade e redução do gasto com combustível, complementa Megiato.

     

     

     

     

     

    O painel, além da apresentação de dados econômicos, trará depoimentos de familiares de vítimas que perderam a vida na rodovia. Terá também espaço para apresentação de índices de acidentes ocorridos por conta da não duplicação e do cronograma físico e financeiro da obra.

    O trânsito diário recebido pelo trecho sul da rodovia gira em torno de 30 mil veículos. “É um dos eixos de escoamento mais importantes da produção do Rio Grande do Sul e rota de países que integram o Mercosul”, destaca Megiato.

    O painel Duplicação Urgente ocorrerá no Teatro do Sesc de Camaquã, localizado na Rua Marcílio Dias Longarai, 01, às 15h. Sairão ônibus gratuitos do Parque do SESI Pelotas a partir das 13h. Interessados podem se inscrever através dos telefones (53) 3227-1646 (Sindilojas Pelotas) e (53) 3222-4499 (Secovi Zona Sul RS).




    Comentários