BR-116: GOVERNO FEDERAL LANÇA ‘AVANÇAR’ E DUPLICAÇÃO DA 116 ESTÁ NA PAUTA

    Ferrovias, Rodovias, Aeroportos estão na pauta do AVANÇAR 2018.

    Descrito até por aliados de Temer como “PAC rebatizado”, o programa vai investir R$ 42 bilhões em programas sociais até 2018.

     

    Após barrar a segunda denúncia na câmara, o governo Temer tenta lançar uma nova agenda política positiva. O projeto vem com o objetivo de contrastar com as reformas impopulares que o presidente tenta emplacar no congresso, descongelando antigos programas sociais.
    O plano, batizado de “Avançar”, já teve seu lançamento adiado diversas vezes e enfim será lançado, com um grande corte orçamentário. O programa irá investir cerca de R$ 42,5 em projetos sociais até 2018. Na prática, o programa não cria nenhum projeto novo, apenas reforma projetos pré-existentes dos governos Lula e Dilma como o “Minha casa minha vida”, construção de creches e até obras previstas no “Programa de Aceleração do Crescimeto” como a duplicação do trecho sul da BR-116 e a segunda ponte sobre o rio Guaíba.
    O invesimento virá exclusivamente do orçamento e não sofrerá “tesouradas”, na tentativa de compensar os danos causados pela crise fiscal aos projetos sociais do governo. No total serão mais de seis mil programas contemplados. O projeto recebeu críticas até dentro da base aliada de Temer. Alguns congressistas afirmam que ele apenas rebatizou o PAC, com a única diferença que o Avançar não receberá investimentos privados.
    A publicidade oficial terá o mote “Agora é avançar” e já começou a ser exibido ontem, quinta-feira. Temer já tem usado expressões como “O Brasil voltou” em seus discursos para reforçar a ideia. Para muitos, o programa é apenas uma estratégia do governo para ter algo positivo para usar nas campanhas presidenciais de 2018.



    Comentários