ASSOCIAÇÃO COMERCIAL DE PELOTAS ESCOLHEU NOVO PRESIDENTE

Fabrício Cagol é graduado em Direito pela Universidade Federal de Pelotas (UFPel) e pós-graduado em  Direito Tributário e Direito Ambiental, o novo presidente é sócio do escritório Moncks, Zibetti & Cagol – MZ Advocacia.

Fabrício Cagol é o novo presidente da ACP

Principal diretriz da nova gestão será a defesa dos interesses dos empresários e empresárias associados.

Nesta segunda-feira, 28 de março, ocorreu a Assembleia Geral de Eleição da nova Diretoria Executiva da Associação Comercial de Pelotas, eleita em chapa única para o biênio 2022/2024.

Com liderança do advogado Fabrício Cagol como presidente, a Diretoria eleita para a Gestão 2022/2024, é composta também pelos vice-presidentes  Jorge Luiz Almeida da Silva (Indústria), Samuel Ongaratto (Comércio), Roger Pinto e Silva (Agronegócio) e Elisa Gioielli (Serviços).  Natural de Estrela-RS, Fabrício está há 12 anos na Associação Comercial, sendo oito deles como membro da Diretoria. Nas gestões dos ex-presidentes Max Teógenes Michels (2014-2016) e Jorge Almeida (2016-2018), atuou como Diretor de Relações Intersindicais. Já nas duas gestões do ex-presidente Mauro Bom (2018-2020/2020-2022) ocupou o cargo de Diretor de Assuntos Jurídicos. Graduado em Direito pela Universidade Federal de Pelotas (UFPel) e pós-graduado em  Direito Tributário e Direito Ambiental, o novo presidente é sócio do escritório Moncks, Zibetti & Cagol – MZ Advocacia.

Segundo Cagol, o convite para presidir a casa centenária este ano não foi uma surpresa, foram em torno de dois anos de conversas sobre o futuro da ACP até chegar a este momento, o de colocar o seu nome à disposição do Conselho Eletivo. Um dos desafios da nova gestão será continuar a renovação da entidade, iniciada pelo presidente Mauro Bom, trazendo os jovens e as mulheres para fazerem parte da Associação Comercial, principalmente no ano em que se iniciarão as atividades do sesquicentenário da entidade, que  completa seus 150 anos em setembro de 2023.

“A regra número 1, que norteará o trabalho da diretoria, será a defesa do interesse do associado. O empresário precisa ter todas as condições para fazer o seu trabalho e empreender. Vamos nos colocar à disposição como instrumento das Micro, pequenas, médias e grandes empresas, favorecendo o  trabalho dos empresários e auxiliando na criação de um cenário propício para os negócios. Se conseguirmos fazer isso, a ACP cumprirá  seu papel e estará cada vez mais forte e atuante”, pontuou Fabrício Cagol. Para o presidente, é fundamental o entendimento que todos os membros da diretoria da ACP também são associados e tem o desejo de tornar a entidade mais forte e representativa. “A diretoria passa, a entidade fica. E nós, como associados, também ficaremos, mesmo após o término da nossa gestão”, ressalta.

Mauro Bom teve sua gestão marcada por manter a entidade atuante, representativa e protagonista durante a pandemia, e na luta pelo desenvolvimento de Pelotas e região, junto da Aliança Pelotas.

Despedida

Gestor da entidade durante os últimos quatro anos, desde 2018, o economista Mauro Bom teve sua gestão marcada por manter a entidade atuante, representativa e protagonista durante a pandemia, e na luta pelo desenvolvimento de Pelotas e região, junto da Aliança Pelotas. A conquista de patrocinadores para a Associação Comercial, o início da atuação das diretorias de mulheres e jovens empresários, criadas após mudanças no Estatuto da entidade na gestão do ex-presidente Jorge Almeida, a ampliação da base de sócios da entidade dos serviços e convênios oferecidos aos associados, também foram pontos fortes de sua gestão, assim como grandes investimentos em obras de revitalização do Palácio do Comércio, um legado que ficará para as próximas gerações.

A cerimônia oficial de posse do novo presidente e diretores da ACP  será realizada no dia 26 de abril, no Salão Mauá – 8º andar da sede da entidade. Os convites para o coquetel serão divulgados em breve.

Comentários