UCPEL E SINDUSCON ASSINAM PARCERIA TÉCNICA

Alunos da Engenharia Civil irão analisar dados de 49 empresas e profissionais da construção civil para criar o CUB Região Sul

Em uma cerimônia virtual, na quarta-feira (21), a Universidade Católica de Pelotas (UCPel) firmou parceria com o Sindicato da Indústria e da Construção Civil (Sinduscon)para a realização do projeto CUB Região Sul. Com a assinatura da cooperação técnica, os alunos do curso de Engenharia Civil, com o apoio do Escritório de Desenvolvimento Regional (EDR), irão auxiliar na construção, pela primeira vez, de um indicador regional para o setor.

A parceria foi firmada em um ato simbólico durante a transmissão remota realizada pelo canal da Católica no Youtube. Durante o lançamento do projeto, o reitor da UCPel, José Carlos Bachettini Júnior, destacou que o CUB Região Sul  irá estreitar a relação com o Sinduscon. “Essa aproximação na busca de soluções coletivas aos problemas da sociedade tornam a universidade mais próxima, mas participativa, inclusiva e, principalmente, uma universidade viva para a sua região”, disse o reitor ao reafirmar a Católica como uma instituição comunitária que trabalha pelo desenvolvimento regional.

Já o presidente do Sinduscon, o engenheiro Pedro Amaral Leite, falou sobre o ineditismo da iniciativa que pretende oferecer informação útil e qualificada para o setor da construção civil de Pelotas e região. Ele ainda destacou a parceria com a UCPel. “O CUB Região Sul também irá aproximar o Sinduscon da Universidade Católica de Pelotas, fortalecendo o relacionamento e possibilitando a iniciativa de novos projetos que agreguem conhecimento e inovação para a universidade e para o mercado da construção”, enfatizou.

“Essa aproximação na busca de soluções coletivas aos problemas da sociedade tornam a universidade mais próxima, mas participativa, inclusiva e, principalmente, uma universidade viva para a sua região” lembra o reitor da UCPEL, Dr. José Carlos Bachettini Jr.

O papel da UCPel

A construção do CUB Região Sul inicia com a coleta de dados de 49 empresas e profissionais de Pelotas e região, seguindo os cinco pilares que determinam o investimento em uma obra: aço, varejo, esquadrias, concreto e construtoras.  A partir desses dados os acadêmicos ligados ao programa de extensão – Engenharia Integrada à Comunidade irão planilhar as informações, realizar cálculos estatísticos e apresentar o valor do indicador regional. A expectativa é que o primeiro resultado seja conhecido em setembro.

Para o coordenador do programa de extensão e responsável pelo atuação da universidade na parceria com o Sindicato, professor Marco Antônio Lhullier Moreira, o projeto será um gerador de “campo de estágio” para os alunos, além de oferecer ao mercado local um indexador voltado para a realidade da região.

O que é o CUB?

O Custo Unitário Básico(CUB) é um dos indicadores mais utilizados pelo setor da construção civil para investimentos imobiliários. Para determinar o valor do CUB é necessário analisar os preços aplicados em 26 insumos e  praticados por 10 categorias profissionais, conforme prevê a NBR1271/2006 – a norma técnica que estabelece alguns critérios, entre eles o cálculo dos custos do empreendimento.

Comentários