AEROPORTO DE PELOTAS SERÁ LICITADO

Hoje administrado pela Infraero, o aeroporto internacional João Simões Lopes Neto, em Pelotas, será licitado até o mês de março de 2021. A afirmação é do Ministro da Infraestrutura Tarcísio Freitas, durante live a convite do Senador Lasier Martins. Preocupado com o desenvolvimento da Metade Sul, o Lasier questionou sobre o cronograma de investimentos na região. “Nossa metade sul tem uma realidade muito particular, e a aviação regional precisa ser incentivada. Pelotas é uma referência econômica e precisa deste investimento”, destacou o senador.

A sexta rodada de concessões da ANAC inclui três aeroportos da Metade Sul do Rio Grande do Sul – Pelotas, Bagé e Uruguaiana. Juntos, sim eles devem receber investimentos de R$ 200 milhões de reais. Estão previstas construções de novos terminais, pátios estacionamento de aeronaves, e adequação de pista. O ministro Tarcísio Freitas afirmou que o leilão vai garantir um cronograma por trinta anos – período da concessão. “Os projetos ainda estão no Tribunal de Contas da União. Haverá um tempo de operação compartilhada entre o vencedor e a Infraero (estatal do Ministério da Infraestrutura). As obras devem começar em 2022”, prevê o ministro.

Lasier e TarcísioSerão 9 aeroportos administrados por um mesmo vencedor, o chamado Bloco Sul, que inclui ampliação, manutenção e exploração dos aeroportos de Curitiba/PR, Foz do Iguaçu/PR, Navegantes/SC, Londrina/PR, Joinville/SC, Bacacheri/PR, além dos aeroportos gaúchos de Pelotas, Uruguaiana e Bagé. A concessão por blocos foi o modelo encontrado pelo governo federal para garantir investimentos privados em aeroportos com menor movimento, para que o investidor não buscasse apenas os de maior fluxo de passageiros.

Comentários