PREFEITURA DE PELOTAS E CDL AVALIAM DADOS POSITIVOS DA 27ª FENADOCE

    29.08.2019 Reunião com Henrique de Freitas Lima, diretor do filme ‘Zoravia’- Fotos Igor Sobral

    Entidade apresentou o balanço dos 19 dias de evento, em que 1,3 milhão de doces foram comercializados e 246 mil pessoas passaram pelo Centro de Eventos

    O Conselho Gestor da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) apresentou à prefeita Paula Mascarenhas e aos secretários municipais, na tarde desta terça-feira (27), o balanço com os resultados obtidos na 27ª Feira Nacional do Doce (Fenadoce), organizada pela entidade. Em 19 dias de evento foram comercializados cerca de 1,3 milhão de doces, 246 mil visitantes passaram pelos pavilhões e mais de 900 excursões desembarcaram em Pelotas, vindas de todo o Rio Grande do Sul, outros estados brasileiros e até mesmo do Uruguai.
    A Fenadoce deste ano colecionou números positivos, apesar do momento econômico instável registrado em todo o país. Foram mais de 800 apresentações artísticas e culturais, movimentando 10 mil artistas; visitas de 45 mil alunos, da rede pública e privada; 250 expositores; 62 agroindústrias familiares; 44 estandes de doce e 34 doceiras presentes; 14 lancherias e 13 restaurantes com espaço no Centro de Eventos. Além disso, 31 atividades paralelas foram abraçadas pela Feira.
    “O evento se consolidou. É fantástico para a economia do município, com geração de emprego e renda. A Fenadoce é a nossa marca, onde quer que se vá”, avaliou a prefeita. Paula acrescentou que, apesar das dificuldades financeiras, a Prefeitura manteve o suporte à feira e continuará a apoiando na próxima edição, devido ao seu impacto positivo nos aspectos cultural, turístico e econômico.
    A CDL destacou também o aspecto multifeira da Fenadoce, cujo principal produto são os doces tradicionais de Pelotas – patrimônio cultural brasileiro –, mas com possibilidades de turismo e negócios diversos, abrindo espaço para comércio, serviços, gastronomia, tecnologia e lazer. O objetivo da entidade é, cada vez mais, inserir a feira no cenário da cidade, a fim de estimular as visitas a Pelotas e divulgá-la, estimulando ainda a preservação do patrimônio do município, reconhecido nacionalmente.
    “A Feira só foi possível pela união de esforços, sem o Poder Público ela não seria executada. Esperamos continuar contando com o apoio da Prefeitura e o trabalho de cada secretaria envolvida”, agradeceu a produtora Cultural da CDL, Adriane Silveira.
    Participaram da reunião os secretários de Cultura, Giorgio Ronna; Desenvolvimento, Turismo e Inovação, Gilmar Bazanella; Fazenda, Jairo Dutra; Qualidade Ambiental, Felipe Perez; Gestão da Cidade e Mobilidade Urbana, Jacques Reydams; e Transporte e Trânsito, Flávio Al Alam. A assessora especial de Relações Institucionais, Clotilde Victória, também acompanhou a apresentação do balanço da Feira.



    Comentários