COMEÇAM AS OBRAS DE REVITALIZAÇÃO DO ACESSO AO QUADRADO

    Requalificação ocorre em 270 metros da via e abrange, além de asfalto, recuperação da cobertura histórica de paralelepípedos

    O trecho da rua Coronel Alberto Rosa, a partir da rua Conde de Porto Alegre até o Quadrado, será totalmente revitalizado pela Prefeitura, por meio da Secretaria de Obras e Pavimentação (Smop). Por determinação da prefeita Paula Mascarenhas, cerca de 270 metros da via receberão novo asfalto, enquanto a parte final terá a histórica cobertura de paralelepípedos recuperada. O pavimento também ganhará sinalização viária e redutores de velocidade refeitos, além de meios-fios e reativação do sistema de drenagem, construído como contrapartida da Sagres Agenciamentos Marítimos.

    O início do capeamento asfáltico foi acompanhado pelo secretário de Obras e Pavimentação, Eduardo Tejada. “Já houve melhorias na drenagem. Agora queremos entregar uma rua em perfeitas condições para a comunidade que ali reside e a todos os visitantes do Quadrado, importante ponto turístico da cidade”, afirma o secretário, lembrando que, em breve, a localidade será sede da Patrulha Ambiental (Patram) da Brigada Militar.

    Melhor para a aposentada Marli Rocha Bandeira, 65 anos. Ela mora há mais de 30 anos na área conhecida como Doquinhas e já testemunhou as várias fases do Quadrado. “É bom ver a Prefeitura trabalhando na rua. Estava precisando, moramos aqui há muito tempo e esse espaço merece. Tomara que todo mundo cuide e o pessoal se conscientize e não corra quando terminarem as obras”, disse a moradora.

    A circulação de veículos em alta velocidade também é uma das preocupações do autônomo Igor Madruga Garcia, 37 anos. Ele vê com bons olhos a requalificação da rua, mas teme abusos por parte dos motoristas.

    Solução

    Pensando em evitar problemas à comunidade e a ocorrência de acidentes, a Smop prevê a construção de passagens elevadas no trecho e a instalação de placas de trânsito, o que deverá reduzir a velocidade dos condutores e coibir transgressões. “Isso deixa a gente mais tranquilo, pois sempre tem muito movimento aqui na rua, principalmente no fim de semana. A ativação do sistema de drenagem vai ser ótima”, conta Igor. A Smop programou, ainda, correção do caimento da via, segundo o gestor titular da pasta municipal.

    Limpeza

    Desde a semana passada, quando os trabalhos se iniciaram, mais de sete cargas de resíduos, principalmente terra, já foram removidas. O excesso de aterro na via acabava atrapalhando um pouco a drenagem, que foi totalmente renovada há dois anos. Metade da extensão a ser recuperada foi limpa e a expectativa é de que mais cargas de entulhos sejam recolhidas até o fim da empreitada, que envolverá a retirada de toda a camada de areia depositada sobre os paralelepípedos que circundam o Quadrado. Estiveram presentes, também, no começo das intervenções, representantes da Sagres e o presidente da Câmara, vereador Fabrício Tavares.




    Comentários