ESPECIAL DE DOMINGO: POLÍTICA – PERSPECTIVAS RS RECEBE O PRÉ-CANDIDATO DO PDT AO GOVERNO DO ESTADO

    Último convidado a participar do evento da Universidade Católica de Pelotas (UCPel), Perspectivas RS, Jairo Jorge (PDT) apresentou um panorama sobre a atual situação do Rio Grande de Sul e algumas de suas apostas para reverter o quadro caso seja eleito. A criação de políticas regionais, para atender os diversos cenários existente no território gaúcho, foi uma delas.

    Como problemas estruturais detectados pelo pré-candidato, estão o baixo crescimento, responsável pelo déficit gaúcho. “Me recuso a acreditar que a crise é insolúvel”, disse. Estagnação econômica, fuga de cérebros, burocracia, perda da excelência, déficit de infraestrutura, desigualdades regionais e paradigma de conflito foram apontados como entraves ao crescimento.

    As alternativas apresentadas para a mudança passam pela inovação, e o binômio do crescimento pela desburocratização e redução da carga tributária. Escola em tempo integral, investimento na inteligência para qualificar a segurança pública; regionalização da saúde com incentivo aos hospitais para a oferta de assistência médica de média e alta complexidade foram defendidas pelo pré-candidato, assim como o incentivo a parcerias público-privadas nas áreas de energia, estradas e comunicações.

    Sobre a Zona Sul, Jorge acredita que a região pode se tornar um grande celeiro de startups. “É possível transformar a região sul em um grande polo tecnológico. Existe universidades de excelência, potencial para o crescimento no investimento de energia limpa e criação de Hubs na área da saúde”, afirmou.

    Desde o mês de março, o Perspectivas RS recebeu os principais nomes de pré-candidatos ao governo do estado. Passaram pelo Auditório Dom Antônio Zattera os convidados Mateus Bandeira (Novo), Eduardo Leite (PSDB), Miguel Rossetto (PT) e Roberto Robaina (PSOL). O objetivo do evento, promovido pelo Escritório de Desenvolvimento Regional (EDR/UCPel), foi de incentivar o debate e a discussão de potencialidades da Zona Sul.




    Comentários