COLUNA CAMINHOS DA ZONA SUL – DIÁRIO DA MANHÃ – 17.04.2018

    CAMINHOS DA ZONA SUL

    www.caminhosdazonasul.com____________________Paulo Gastal Neto

    Cultura – Pelotas poderá ganhar, finalmente, uma ampla e moderna sala de espetáculos e eventos. A ideia é da iniciativa privada com a coordenação do produtor cultural Cauê Fuhro Souto. A casa de espetáculos deverá ser construída na zona Norte da cidade e levará o nome da coreógrafa Berê Fuhro Souto. Em uma área de 4 hectares, na avenida Ildefonso Simões Lopes (ao lado do Sest/Senat), o prédio terá cerca de 1,8 mil metros quadrados e deve funcionar como um centro cultural, com um teatro de até 1.200 lugares – mas que pode ser adaptado a públicos menores –, espaços internos para exposições e área externa com dois ambientes. O projeto é assinado pelos arquitetos Marcos Pretto e Amadeu Silva. O terreno pertence ao empresário Henrique Fuhro Souto, que também ajudará a custear a construção, ao lado de um grupo de empresários de Brasília. Ele diz que será adotado um método construtivo bem rápido, que deve possibilitar que o projeto esteja pronto já no ano que vem.

    ***

    ACP – Tomou posse na última quinta-feira a nova diretoria executiva da Associação Comercial de Pelotas, eleita para o biênio 2018/2020, que tem a liderança de Mauro Bom como presidente, acompanhado pelos vice-presidentes Rogério Caldellas (Serviços), Jorge Almeida (Indústria), Max Teogenes Michels(Comércio) e Roger Silva (Agronegócio).

    ***

    Conto – A nova ponte do Guaíba, em Porto Alegre, está com a obra bem longe da conclusão. Em novembro do ano passado, a partir da inclusão do empreendimento no Programa Avançar, do governo federal, o otimismo tomou conta dos responsáveis, e chegou a ser feita uma projeção ousada: de que a estrutura poderia ser entregue no final de 2018. Passados alguns meses, a superintendência regional do Dnit-RS adota metas bem menos eufóricas: agora, a projeção é de entregar a ponte em algum momento do segundo semestre de 2019. Me engana que eu gosto!

    *** 

    PUBLICIDADE

    Para evitar alagamentos, o Sanep tinha como meta realizar a limpeza de 40.000 metros de canais de drenagem. Mas superou esse número e atingiu 80.000 metros, em uma ação que proporcionou um bom funcionamento do sistema de escoamento, durante a estação mais chuvosa do ano. Só que o trabalho ainda não terminou, afinal é preciso continuar esse esforço para a retirada de lama, lixo e entulhos que diminuem a capacidade de vazão das águas pluviais.

    É O SANEP FAZENDO O MELHOR PARA VOCÊ E PARA A NOSSA CIDADE!

    ***

    Mar – As operações no Porto do Rio Grande seguem em grande fluxo, trazendo números expressivos para o ano de 2018. Com o fechamento do primeiro trimestre deste ano a SPH constatou que os desembarques somente no setor automotivo foram responsáveis por grande parte das movimentações no complexo. O número de 10.818 unidades, mais que a metade do fechamento do ano passado, que foi de 18.286 veículos. O setor de embarque  teve como marca deste ano 8.862 unidades operadas. Entre embarque, desembarque e trânsito rodoviário foram movimentados 20.071 veículos rodantes só neste primeiro trimestre, quando comparado ao ano anterior, fechado em 43.761 operações somente neste setor. O modelo Tracker da Chevrolet teve boa aceitação no mercado nacional continuando no topo dos desembarques, chegando a 7.865 unidades, em 2017 foram importados 13.520. O Onix segue a mesma linha, porém, no setor de embarque, só este ano foram 4.932 unidades desembarcadas, já em 2017, 11.763.

    ***

    Exemplo – Integrantes da diretoria do Sinduscon de Caxias do Sul visitaram na semana passada vários locais relacionados a construção em Pelotas. A principal foi as instalações do Parque Una, empreendimento da Idealiza Urbanismo, firmado com a concepção de pioneirismo para criar um novo centro na cidade. O sócio da Idealiza e presidente do Sinduscon/Pelotas, Fabiano de Marco, explicou detalhadamente o projeto, que segundo ele, terá vida e dinâmica próprias com muitas atratividades.  O coordenador do Sinduscon Caxias Jovem, Lucas Trentin, avaliou positivamente as atividades promovidas em Pelotas. Segundo ele, chamaram atenção do grupo o formato de atuação das empresas locais e a excelente receptividade nas vendas dos projetos. Ele adiantou que o setor da construção de Caxias vem atuando no mesmo sentido, visto que, o atual conceito de aliar trabalho, lazer e moradia é uma tendência do mercado consumidor.

    ***

    Até a próxima!




    Comentários